Como lidar com a raiva a partir da meditação?

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

A raiva é uma emoção que nos consome bastante. É desnecessário ser um perito no assunto para saber o quanto nos perdemos, sofremos, nos debatemos e agimos sem ver as consequências das nossas ações ali dentro. É como se fosse um tipo de agressão, bem sutil, que fazemos conosco. A boa notícia é que dentro da meditação silenciosa, nós podemos transformar esse processo em lucidez.

Antes de seguir em como lidar com raiva, dentro da meditação, lembramos sobre o que acontece quando nem conseguimos entender que a raiva está ali ou irá acontecer, antes dela “explodir”.

Por vezes, somo tomados por essa aflição sem aviso prévio. Se anda estamos engatinhando na meditação, nesses casos, o que podemos fazer é:

O Buda descreve o Nobre Caminho de Oito Passos. Entre as ações que a gente deveria evitar, estão as ações a partir da raiva. Mas isso aparece como um voto, se a gente precisa de um voto, é porque aquilo não é natural nela, é como se fosse uma regra de trânsito: é melhor esperar o sinal, não atravesse o sinal, pois pode ser problema. Eu acho melhor não atravessar o sinal, ainda assim isso é uma artificialidade.


Continue lendo “Como agir quando surge raiva numa situação violenta?”


Como lidar com a raiva dentro da meditação?

Dentro do repouso e movimento da meditação, temos sempre o recurso de lucidez disponível. Nas palavras do Lama Alan Wallace, o que podemos fazer é:

Quanto mais você fica com raiva de algo, mais você fica fisgado.

Quando você estiver alimentando a raiva, tente tirar a atenção da história que sustenta ela e tente observar a qualidade de energia daquilo.

Então, direcione novamente a atenção para a bem-aventurança que naturalmente surge. Então, inverta a consciência da quietude.  


Lama Alan Wallace

E você? Consegue experimentar essa autonomia da meditação e perceber liberdade frente à raiva?

Seguimos girando a roda do Darma.

Imagem de Free-Photos por Pixabay

Desde 2011, tem sua atenção e curiosidade roubadas pela meditação e a sabedoria milenar do Darma. É tutor do programa de formação de facilitadores do CEBB, sob orientação de Lama Padma Samten. Praticante no CEBB Recife (PE).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *