Reflexões sobre o tempo e o Covid-19 por Dzigar Kongtrul Rinpoche

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Reflexões sobre o tempo

Ame a humanidade.

Fique em meditação, abra seu coração e cale -se.

Mantenha as mãos no colo ou nos bolsos e faça uma reverência quando encontrar alguém.

Se você ouvir medos da morte e medos da doença, reflita sobre os quatro rios da vida. ( doença, decreptude do corpo, envelhecimento e morte).

Se não for sua vez com essa doença ou morte por esta pandemia, a morte certamente virá – principalmente precedida por uma doença.

O que estamos fazendo para nos preparar para isso?

Você está pronto?

Se não, o que você pode fazer para se preparar?

Você já fez as pazes com todos aqueles com quem tem conflitos e disputas?

Você limpou toda a crosta do seu coração?

Você expandiu seu amor para o mundo e para as pessoas e os animais ao seu redor?

Você aumentou a compaixão e a bondade? Você disse: “Eu te amo” para com seus entes queridos, em vez de assumir que eles já sabem disso? Tem pontas soltas?

Você se tornou como um pássaro, pronto para voar mais alto do abrigo? Se não, pense neste momento como uma oportunidade para se preparar agora e no longo prazo.

A humanidade sobreviverá, mesmo que não.
Os pássaros cantam, os sapos coaxam com o verão ao virar da esquina.

Flores florescerão.

As abelhas acasalam.

Não deixe passar esta beleza natural da próxima estação sob a sombra do COVID-19.


**Tradução livre da publicação de Dzigar Kongtrul Rinpoche em sua conta do instagram.

É aluno de Lama Padma Samten. Desde 2011, tem sua atenção e curiosidade roubadas pela meditação e a sabedoria milenar do Darma de Buda. É tutor do Programa de Formação de Facilitadores do CEBB, sob orientação de seu mestre.

Se liga na série<< O que é carma primário e secundário?#8 |Como lidar com o carma na prática? >>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *